Jornalismo local e analítico

Notícias
Cidade | 6 jul de 2019 | da Redação

Vereadores rejeitam emendas e aprovam LDO para 2020

Orçamento previsto para o Guarapuava é de R$ 438 milhões

Foto: Divulgação/Câmara Municipal

Nesta quinta-feira (4) a Câmara Municipal de Guarapuava rejeitou, em sessão extraordinária, as emendas apresentadas pelos vereadores e aprovou a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2020, conforme propôs a prefeitura.

A LDO define as metas de arrecadação e os gastos gerais do município ao longo do ano. A Lei aprovada determina que o município terá orçamento de R$ 438 milhões para o próximo ano. O texto original foi aprovado por 14 votos a favor a 5 contrários.

A oposição protestou contra aprovação e sobre a derrubada das emendas que poderiam alterar a LDO. Vereadores apresentaram propostas para reduzir os gastos com cargos comissionados de 8% para 5% e limitar os recursos que podem ser remanejados pelo prefeito de 20% para 5%, mas as duas propostas foram rejeitadas.

A câmara também não aprovou a diminuição dos gastos em comunicação de R$ 2,1 milhões para 500 mil, com destinação da diferença para a saúde, e nem a transferência de R$ 5 milhões que estavam previstos para ruas e estradas para a construção de um hospital na cidade.



Leia também
11 de julho de 2019
9 de julho de 2019
9 de julho de 2019
9 de julho de 2019